segunda-feira, 11 de julho de 2016

Desembargadora autoriza soltura de Cavendish e Carlinhos Cachoeira



Agência Brasil
A desembargadora Nizete Lobato, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, autorizou hoje (10) a liberação dos empresários Fernando Cavendish, dono da Construtora Delta; o contraventor Carlos Augusto de Almeida Ramos, conhecido como Carlinhos Cachoeira; Marcelo Abbud e Cláudio Abreu, presos na Operação Saqueador, da Polícia Federal.

Segundo a assessoria de Cavendish, apesar da autorização, ainda não foi expedido o alvará de soltura. E não há previsão sobre o horário em que o empresário será liberado para cumprir prisão domiciliar.

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou que não recebeu nenhum documento e os quatro permanecem no presídio Pedrolino Werling de Oliveira, o Bangu 8, no Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, zona oeste do Rio.

Conforme decisão do ministro Nefi Cordeiro, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), tomada na sexta-feira (8), todos deveriam ser liberados, mas com o uso de tornozeleiras. Com a falta do equipamento, que não está sendo fornecido pela empresa contratada, por falta de pagamento do governo do estado do Rio de Janeiro, eles permaneceram no presídio. Agora, serão soltos, com a decisão da desembargadora, mas devem ser monitorados pela Polícia Federal.

A Operação Saqueador, da Polícia Federal, rastreia esquema de desvio de verbas públicas e lavagem de dinheiro, no valor de R$ 370 milhões. De acordo com o Ministério Público Federal (MPF), além dos principais acusados Fernando Cavendish e Carlinhos Cachoeira, foram denunciadas 21 pessoas, entre executivos, diretores, tesoureira e conselheiros da empreiteira e proprietários e contadores de empresas fantasmas, criadas por Carlinhos Cachoeira e os empresários Adir Assad e Marcelo Abbud.

Carlinhos Cachoeira, Fernando Cavendish e mais três deixam prisão no Rio

Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, e o diretor da empreiteira Delta, Fernando Cavendish, foram soltos por volta das 4h de hoje (11). Também foram liberados Adir Assad, Marcelo Abbud e Cláudio Abreu, todos presos na Operação Saqueador, da Polícia Federal.

Eles estavam presos no Complexo Penitenciário de Bangu, na zona oeste da cidade do Rio de Janeiro, mas foram soltos por decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ). Por falta de verbas no estado, eles não serão monitorados por tornozeleiras eletrônicas. A vigilância terá que ficar a cargo de agentes.

Os cinco foram presos depois de terem sido denunciados pela lavagem de R$ 370 milhões desviados de cofres públicos. Segundo o Ministério Público, contratada para realizar obras públicas, algumas inexistentes, a Delta repassava dinheiro a empresas de fachada, que recebiam o dinheiro e não realizavam o serviço.

5 comentários:

  1. Pelo andar da carruagem, corrupção no país compensa... A lei, tão dura para uns, é dócil para outros... Dois pesos e duas medidas... Afinal, o que é a "bagatela" de R$370 milhões desviados dos cofres públicos? ??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é no país, é uma questão de princípios, sabemos que largo é o caminho da perdição, mas o caminho da retidão é estreitíssimo, poucos o perseguem, e menos ainda são os que obtém êxito em sua empreitada.

      Excluir
  2. Não menos pior que os pesos e medidas distintos na hora de aplicar a lei, é a seletividade da indignação de alguns minha querida amiga Selma Regina. Pode estar certa de que neste exato momento muitos dos que pediram o "fim" da corrupção no Brasil, estão concordando e até aplaudindo a iniciativa da Desembargadora. Sinceramente eu fico em dúvida o que é pior, a seletividade ou as pseudo indignações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não dá pra mensurar, cada coisa tem a sua periculosidade, e todas infelizmente nesse e nesses casos últimos todos, são perigosíssimas. Preocupante também e mais ainda pra mim, é o fato de não reconhecermos as pessoas em nosso cotidiano, aqui ainda podemos reconhece-las, são pessoas públicas, mas no dia dia realidade nossa, não sabemos mais em quem confiar, lamentavelmente.

      Excluir
  3. Realmente, Dagmar...Corrupção nunca foi problema para alguns e não duvido que realmente batam palmas pela soltura

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita e participação no blog!

Dag Vulpi

Explicando as Pedaladas Fiscais - Atualize a página para voltar para o inicio do texto

Sobre o Blog

Este é um blog de ideias e notícias. Mas também de literatura, música, humor, boas histórias, bons personagens, boa comida e alguma memória. Este e um canal democrático e apartidário. Não se fundamenta em viés políticos, sejam direcionados para a Esquerda, Centro ou Direita.

Os conteúdos dos textos aqui publicados são de responsabilidade de seus autores, e nem sempre traduzem com fidelidade a forma como o autor do blog interpreta aquele tema.

Dag Vulpi

Paulo Freire

Paulo Freire
Para analisar

BLOG MIN

BLOG MIN
Porque todos temos uma opinião, seja construtiva, destrutiva, cientifica, acéfala, perversa, parva, demolidora ou simplesmente uma opinião...

Mensagem do Autor

Ocorreu um erro neste gadget

Seguir No Facebook