segunda-feira, 28 de março de 2016

Brasilianas.org debate presença do PMDB na base aliada



Um dos assuntos políticos de maior importância nesta semana, a decisão do PMDB sobre a possibilidade de sair da base aliada do governo, é um dos temas da edição de hoje (28) do programa Brasilianas.org, apresentado pelo jornalista Luís Nassif, que vai ao ar todas as segundas-feiras, às 23h, na TV Brasil. O programa desta segunda também aborda o futuro da política e da economia do país, diante de eventuais mudanças na composição político-partidária do Congresso Nacional e as medidas que ainda podem ser tomadas para barrar o processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff.

A posição do PMDB deve ser anunciada amanhã (29), em reunião do Diretório Nacional do partido, em Brasília e, caso o partido deixe a base de apoio, haverá um prazo para que os ministros e demais peemedebistas ocupantes de cargos no governo deixem os postos. Com a expectativa de buscar uma convergência em torno dos caminhos a serem tomados pela legenda, o vice-presidente da República e presidente do PMDB, Michel Temer, chegou a cancelar uma viagem que faria a Portugal.

“O que está sendo mais acertado é o desembarque mais gradual [do PMDB] em que os ministros vão sair aos poucos”, disse um dos debatedores do programa, Tales Faria, que é colunista do portal Fato Online. Para ele, diante de um cenário de ruptura com o PMDB, resta ao Palácio do Planalto a estratégia de conquistar, isoladamente, os 172 votos necessários contra o impeachment.

Para Tales Faria, neste momento, é muito importante o papel desempenhado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como articulador do governo. “Vamos ver como é que o Supremo Tribunal Federal vai se portar”, disse ao se referir à indefinição da posse de Lula como ministro na Casa Civil. Para Farias, a participação do ex-presidente no governo de Dilma ajudaria no diálogo com parlamentares.

O papel do Judiciário no atual contexto político foi lembrado pelo presidente do Conselho da Associação Juízes para a Democracia, André Augusto Bezerra. “O Judiciário tem de ficar atento para que o clamor das ruas não venha tirar o seu papel de ser também o defensor das minorias, dos direitos conquistados no processo de redemocratização”, disse Augusto.

Economia
Para o economista Antonio Corrêa de Lacerda, uma eventual saída de Dilma Rousseff da presidência não resolveria a crise econômica. Para ele, que coordena o Programa de Estudos de Pós-graduação em Economia Política da PUC-SP, as adversidades que o Brasil enfrenta atualmente, como retração e custo do crédito, além da queda de produção vão continuar.

Correia de Lacerda defendeu a necessidade de o país seguir com políticas de combate às desigualdades sociais, pois a visão de que reduzir investimentos na área social traria melhores condições econômicas é “simplista”.

Na análise do cientista político e professor da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo (USP), Wagner Iglecias, caso a presidenta Dilma se mantenha no comando da nação, ela deverá ser muito cobrada para mudar a agenda econômica por parte dos movimentos sociais que estão vivendo “um momento paradoxal”.

Para Iglecias, de um lado os movimentos defendem a legitimidade da permanência da presidenta no cargo, mas, por outro, também querem o atendimento das reivindicações de classes menos favorecidas. O conteúdo do programa Brasilianas.org pode ser acessado pelo site da TV Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita e participação no blog!

Dag Vulpi

Explicando as Pedaladas Fiscais - Atualize a página para voltar para o inicio do texto

Sobre o Blog

Este é um blog de ideias e notícias. Mas também de literatura, música, humor, boas histórias, bons personagens, boa comida e alguma memória. Este e um canal democrático e apartidário. Não se fundamenta em viés políticos, sejam direcionados para a Esquerda, Centro ou Direita.

Os conteúdos dos textos aqui publicados são de responsabilidade de seus autores, e nem sempre traduzem com fidelidade a forma como o autor do blog interpreta aquele tema.

Dag Vulpi

Paulo Freire

Paulo Freire
Para analisar

BLOG MIN

BLOG MIN
Porque todos temos uma opinião, seja construtiva, destrutiva, cientifica, acéfala, perversa, parva, demolidora ou simplesmente uma opinião...

Mensagem do Autor

Ocorreu um erro neste gadget

Seguir No Facebook